Periférico

Um Blog desalinhado, independente e situado à margem do politicamente correcto! O olhar de um Periférico na periferia da Europa.

segunda-feira, março 30, 2009

Será para o convívio?



(Parvoíce de 2ª feira recebida por e-mail)

Etiquetas:

quinta-feira, março 26, 2009

Assim anda a Justiça...

quarta-feira, março 25, 2009

Horóscopo


Às vezes era bom poder acreditar e ligar aos horóscopos:

Mau dia para trabalhar demasiado, até porque está muito cansado. Não pense muito e faça algo que lhe possa agradar e dar prazer.

in Jornal de Notícias, 25 de Março de 2009

terça-feira, março 24, 2009

Ficheiros (não tão) secretos



Os Arquivos Nacionais britânicos autorizaram, no passado Domingo, o acesso a sete ficheiros de ocorrências registadas, entre Novembro de 1987 e Abril de 1993, pelos serviços de inteligência do Ministério da Defesa (MoD), que incluem 1.200 observações de objectos voadores não identificados – OVNIS.

Um dos casos mais bizarros é o depoimento de uma mulher, feito a 20 de Novembro de 1989, que disse ter encontrado, enquanto passeava o seu cão, um extraterrestre que falava com "sotaque escandinavo" . Este disse-lhe que era de outro planeta, e que os círculos em plantações de cereais (croop circles) tinham sido causados por outros como ele que tinham viajado até à terra.

Estes ficheiros farão certamente as delícias de todos Mulder’s e Scully’s amadores.

sexta-feira, março 20, 2009

Fanny Owen


A Sinapse resolveu dar a sua contribuição para tirar este blog do seu estado estagnado e acorrentou-me a uma corrente que, segundo palavras da própria e constação minha, já deve ter dado 33 voltas à blogosfera, como o velhinho LP que debitava música à velocidade 33 rotações.

A corrente consiste em transcrever a 5ª frase da página 161 do livro que estou actualmente a ler:

“José Augusto entrava em casa, um pouco brusco; a voz dele enchia a sala como um trovão, e inclinava-se para a beijar com uma súbita ternura, uma gratidão como a que ela às vezes via nos seus olhos.”

in Fanny Owen de Agustina Bessa-Luís


Este livro andava perdido na minha estante e comecei-o a ler há três dias motivado pelo visionamento de A Corte do Norte.

Como esta corrente já deu várias voltas à blogosfera, não acorrento mais ninguém, mas podem sempre deixar as vossas sugestões para futuras leituras.

Primavera 11:44

terça-feira, março 17, 2009

A Corte do Norte

Tive ontem a oportunidade de assistir à antestreia na cidade do Porto, auditório de Serralves, do último filme do cineasta português João Botelho. Adaptado do romance homónimo de Agustina Bessa-Luís, um filme em que as imagens servem a palavra em enquadramentos sublimes que nos transportam algumas vezes para quadros renascentistas, outras para a força da paisagem da Costa Norte da ilha da Madeira. “Uma montanha precisa de honras. Ajoelhar-se diante dela não é favor.”

Um filme belo, em que a voz feminina do narrador nos transporta no deslindar de um mistério ao longo de 4 gerações da família Barros, onde as mulheres ocupam o lugar central no destino dos homens. “Era uma rainha e eu servia-a, não por amor, mas porque ela assim o desejava. Deus nos livre dos desejos de uma mulher!”

É também um manifesto de resistência, um filme que mostra que se pode filmar com estilo, sem cedências e ao mesmo tempo oferecer ao espectador não indigente uma obra que o faz pensar e se deleitar esteticamente.

Para mim, sem dúvida alguma, um dos mais belos filmes de sempre do nem sempre bem tratado Cinema Português.


segunda-feira, março 16, 2009

Futebol...


video

(Parvoíce de 2ª feira recebida por e-mail)

Etiquetas:

terça-feira, março 10, 2009

Para Angola e em força já…

Aqui há umas boas décadas atrás, António Oliveira Salazar, perante o insurgimento dos movimentos nacionalistas na então província ultramarina, lançou um repto à nação: “Para Angola e em força ”. Quase meio século depois, lembro-me desta frase a propósito das notícias da visita oficial do Presidente angolano José Eduardo dos Santos ao nosso país. A aferir pela cobertura noticiosa, é caso para dizer que Angola se assume, nestes tempos de crise mundial, como a nova terra prometida . Daqui a uns anos veremos se não foi apenas mais uma oportunidade perdida…

segunda-feira, março 09, 2009

Premio Engenharia 2009/2010



(Parvoíce de 2ª feira recebida por e-mail)

sexta-feira, março 06, 2009

sic transit periférico*

Num país em que se fala tanto do TGV, de magalhães, de inovação, de modernização, não deixa de ser curioso que, já há largos meses, os comboios InterCidades da CP da linha do Norte estejam a operar sem serviço de bar. Ou seja, se algum passageiro incauto embarcar sem uma garrafa de água, arrisca-se a ficar desidradatado.

É um péssimo serviço que a CP presta aos seus utilizadores, dando um sinal de que no longo curso apenas os Alfa Pendulares têm um serviço digno e que os InterCidades passaram para comboios de 3ª categoria.

Enfim, o que me espanta é o arrastar da situação e duvido muito que a CP tenha ajustado o preço dos bilhetes em função de não prestar o serviço completo nos interCidades da linha do Norte. E como em muitas coisas continuamos um país de brandos costumes e com fraca capacidade mobilizadora, o único prejudicado é o consumidor e não a empresa que presta um mau serviço.

Quando houver TGV, não me admirava nada que fossem os Alfa Pendular a ficar sem serviço de bar, que isto serviço completo, só para quem anda na vanguarda da tecnologia.

* escrito no Alfa Pendular (título baseado na expressão latina sic transit gloria mundi)

segunda-feira, março 02, 2009

Operação Stop

Numa operação nocturna, a polícia manda parar um condutor e faz-lhe o teste do alcool.
Quando obtém o resultado, o polícia diz-lhe:
- Veja.... Não tem vergonha!???
(Mostrando-lhe o aparelho que marcava 3,45)
E responde o bêbado:
- Fo**-**!!!! Quatro menos um quarto !!! A minha mulher vai-me matar!

(Parvoíce de 2ª feira recebida por e-mail)

Etiquetas: